Criado em 2010, em Niterói, “Trio Mangalô” era formado por André Chuwarten (violão e voz), Fernando Santos (violão e cavaco), e Gabriel Telesforo (bateria e percussão). Surgiu com a proposta de fazer um som que pudesse ser reproduzido em qualquer ambiente. Carregando um nome que se inspira numa árvore tipicamente brasileira, o grupo sempre visou a simplicidade, ocupando os palcos com dois violões, bateria e percussão.

Se, por um lado, sua formação era simples, por outro suas estruturas musicais eram complexas e bem elaboradas, com dinâmica e arranjos diversificados, e letras reflexivas que retratam o cotidiano. Retrataram as superstições e crenças presentes na cultura brasileira, muitas vezes, mescladas numa espécie de sincretismo folclórico religioso.

O grupo lançou seu primeiro álbum em 2014, levando o título de “Mangalô”, fazendo assim referência ao nome do Trio e também título de uma das faixas do álbum. Porém, em outubro de 2016, em sua página oficial do Facebook, a banda anunciou o fim de sua trajetória, afirmando incompatibilidade de ideias; no entanto, não deixaram de disponibilizar seu CD, que continuou acessível nas plataformas digitais.






Publicado em 0000-00-00
Museu Antônio Parreiras